terça-feira, 2 de novembro de 2010

O que é ser um bom Dominador?




Há muitas opiniões diferentes sobre o assunto, a que segue não é a única, nem tenho a pretenção
que seja a melhor, sugiro que procure mais sobre o assunto. Usarei o pronome em masculino,
mas podem ser homens ou mulheres.
O que deve ser um Dominador?
A questão só pode ser respondida individualmente. Mas aqui deixo uma resposta sobre como
penso do que seria um Dominador.
O Dominador deve ter total controle de si mesmo, antes de mais nada.
Saber ser compreensivo e protetor.
Não permite que seu ego o cegue, quando o assunto for APRENDER,
seja coisas entre ele e sua submissa, no sentido de melhorar sua relação D/S
ou qualquer  outra melhora em sua vida cotidiana porque ambas caminham juntas.
Ele deve saber como amar e apreciar o presente que lhe é dado.

Quando o Dominador encontra uma nova submissa, Ele não exige respeito, e sim, conquista-o; primeiramente verifica os pensamentos dela, conhecendo-o completamente.
Não tentando seduzi-la em um primeiro encontro, caminhando para realizar um relacionamento
de confiança.
Se é um bom Dominador, não faz tudo isso para ganhar uma submissa, e sim
porque é capaz de deslumbrar "ALGUÉM" sem a armadilha da sexualidade, Porque não é uma
“AVE DE RAPINA” mas sim um PROFESSOR que quer compartilhar seu conhecimento
e ter a satisfação de que isso pode ajudar alguém.
Se ela se oferece como submissa, Ele lhe oferecerá primeiramente informações pessoais, porque Ele sabe o quão é perigoso que a submissa caia em mãos erradas, e busca guiá- la e protegê –la, preocupações essas não passageiras e muito REAIS.
Ele também sabe que seu relacionamento depende de sua sinceridade, e da comunicação.
Ele vai ser honesto sobre sua vida, seus gostos, o que espera dela. E ela, estará depositando Nele sua confiança, por isso, Ele nunca deverá decepcioná-la nesse sentido.



Para possuí-la deve primeiramente ganhar seu RESPEITO.
 Para fazê-lo deve mostrar que é quem afirma ser, que se preocupa com ela, que
COMPREENDE os limites dela para que saiba o quão forte ela pode ser,
e que terá todo o tempo para conhecê-la como pessoa e depois como submissa,
Ele sabe o quanto é maravilhoso o presente que ela o deu e toda
a confiança que ela coloca Nele.
Com este propósito, conversa com ela, conhecendo suas necessidades e expressando as suas próprias, aumentando a confiança nela mesma, ultrapassando suas limitações gradualmente,
para fazê-la ver que pode ser mais forte do que pensava, ou seja, abrindo
lentamente a flor de sua submissão.





Se ela tem uma baixa auto-estima, Ele demonstra que há respeita, e que está feliz de compartilhar
seu tempo com ela. Ele lhe mostra o quanto é bela, enfatiza suas qualidades,
e que o presente que ela lhe oferece e o maior de todos, “ELA MESMA”.

Ele se dedica a conhecer sua alma antes que seu corpo. Já que, quando o Dominador conhece sua submissa, ocorre uma conexão que lhe permite adivinhar seus desejos, necessidades, paixões.
Com esse conhecimento o Dominador pode leva-la a novos patamares de prazer, guiá-la e caminhar com ela, buscando níveis mais elevados de amor e compromisso.

Ao aceitar uma submissa, um Dominador adquire muitas RESPONSABILIDADES,
Ele não só a ajuda no quarto, como na vida também. Ele está lá sempre que ela necessita, para cuidá-la, aliviá-la quando está deprimida, para acalmar sua dor quando está doente, para ajudá-la a superar seus medos e preocupações, para abraçá-la e amá-la quando necessitar afeto.




Ele faz isso porque assim deseja, já que o presente que ela lhe deu foi de própria vontade.
Ele tenta compreender sua mente, sua alma, pois só assim ambos poderão crescer como pessoas.
Ela é seu bem mais precioso e Ele se esforça para mostrar seu amor.
O Dominador não busca mudar a sua submissa, mas aproveita as oportunidades para mostrar o que ela pode se tornar. Ele deve mostrar suas qualidades e guiá-la para ajudá-la a se tornar a pessoa que quer ser. Ele diz qual pode ser o caminho correto a seguir, mas nunca impõe. Uma vez que ela se encontra ,
Ele vai incentivá-la a continuar, empurrando lentamente a ser a mulher que Ele sabe que ela pode ser.



Há um perfil de Dominador perfeito?



Acho que não, a perfeição é algo que se tenta alcançar, mas nunca se tem, É a luta para chegar a perfeição que faz o bom Dominador. Assim como a beleza depende do olho do observador.
Tudo que pode se dizer é que o Dominador tem que ter boas qualidades como: força,
habilidade, confiança em si mesmo, controle e saber que sempre pode aprender mais. Ele deve ser carinhoso, alegre, ter honra e cavalheirismo,
deve respeitar não só a sua submissa como todas as demais mulheres.
O Dominador deve ser confiante, porém , não pensar que é superior aos outros.
Ele deve se certificar de seus ideais, mas não ser tão seguro a ponto de achar que é a única opção.
Ele deve deixar que cada um viva a sua vida, e vivendo a sua própria .
Se vir algo errado deve corrigir , sem impor sua visão como a mais acertada.
Ele deve conhecer a diferença entre punição e jogo( sessão), entre dor e sensação.
Nunca abusar do seu poder quando estiver com raiva, nem mostrar que está jogando
(fazendo sessão) com raiva, chateado ou contrariado
 Não deve descarregar sua ira em sua submissa,
 já que sabe que para controlá-la, deve controlar a si mesmo primeiro.
Ele exerce sua arte para ajudá-la na tarefa de ser a mulher que ela quer ser, e levar a sua submissão
 muito a sério, que não é algo passageiro .
A submissa deve aumentar a sua feminilidade.
Ela se oferece a seu Senhor livremente e lhe presenteia com sua submissão em troca de amor,
orientação, compreensão e sinceridade.



 Ela obedece porque assim quer, e não porque é forçada a fazê-lo.
Ela chega a Ele sendo uma mulher insegura de seu papel, buscando sua orientação, e aprende rapidamente o que se espera dela. Com esse aprendizado, e a medida que Ele se abre mais para ela, a submissa começa a se entregar, a dar a sua alma, seus segredos, até que se estabiliza essa relação, construída dia a dia, compartilhando segredos e almas, e caminham assim juntos pela vida.


Ela nunca deve tentar tomar o controle, mesmo quando houver um forte vínculo de confiança entre ambos, já que se ofereceu livremente. A submissa deve cuidar de seu Mestre, dando-lhe todo o melhor de si, e o Mestre deve cuidar e aceitar a sua submissa e sua submissão como são.
O treinamento é uma parte importante do relacionamento. A submissa deve saber quando ajoelhar-se,
como se sentar, etc ... ela faz todas essas coisas para agradar seu Mestre, da melhor maneira possível.



Diz-se que o Dominador tem controle total e, em alguns casos, é.
Mas é uma relação de mútuo acordo, o Dominador tem o controle, porém,
apenas até onde a submissa se sentir amada respeitada e protegida.
Ele deve expandir seus limites para o prazer de ambos.
No entanto, a submissa pode sair a qualquer momento, embora isso seja difícil,
 apenas se o Dominador não atender às suas necessidades e interesses.
Diz-se que uma submissa não tem responsabilidades, mas isso não é verdade.
 Deve agradar ao seu Mestre, agir como Ele deseja e respeitar-lo sendo sempre
HONESTA e VERDADEIRA, nunca MENTIR.
Confiar no seu Mestre. Precisa saber quando Ele está agindo em seu melhor e ter prazer em cumprir suas ordens. Às vezes terá que fazer coisas difíceis e até constrangedoras, mas não cegamente, deve ser feito sabendo que é para o prazer de ambos.
Uma submissa terá um papel maravilhoso se encontrar o Mestre certo.
Com Ele crescerá emocionalmente e espiritualmente para o que quer ser.
Aprenderá a amar livremente e encontrará forças dentro dela.
O Dominador também se torna um homem orgulhoso de ser o professor e protetor.
Orgulhoso de ocupar seu lugar . Juntos, eles embarcarão em uma jornada que os levará
além dos limites da sociedade, para a imensidão do universo.

22 comentários:

Anônimo disse...

Bom dia Senhor,

"Degustei" cada palavra.
Emocionante ver sua postura, seu entendimento DONO/sub.
Parece que escreveu para mim! Para fazer-me entender que a submissa é um ser valioso para o DONO e dentro desta visão a cada dia , por amor ao DONO busca aprimorar-se.
Lindo!
Apenas fez minha admiração por Ti aumentar vertiginosamente.
Não estava enganada...
Beijo Respeitoso em Suas mãos,

lais.

Anônimo disse...

Parabéns SR... Um belo texto onde coloca de uma linda maneira seu Modo de Dominar...Seus pensamentos postos em linhas na qual deixa claro que é um Dominador serio e verdadeiro. Parabéns é um grande prazer poder ler o que escreve de maneira objetiva.
Bjs Doce em seu lindo Core...

Tattourouge disse...

Olá Senhor,

conhecendo teu espaço.

Perfeito a definição que destes ao significado de um DOM...de verdade.

Aproveito para convida-lo a conhecer meu novo espaço:

www.tattourouge2.blogspot.com

Serás sempre bem vindo!

Abraços respeitosos,

Tattourouge

Savannah disse...

Boa Noite Sr.

Li e reli o seu texto, perfeito.

Estou te seguindo Sr.

Um abraço respeitoso

Savannah

Lucas Romão disse...

Ótimo texto, muito bom para os dominadores serios que estão começando.

dom dominus disse...

ola Sr. Orion, li com muito apreço o que escreveu, gostaria de me aprimorar com voce, existe alguma maneira de entrar em contato com voce via e-mail?

dominus.dom@gmail.com

Obrigado desde já.

Nathalia disse...

Excelente texto! Mas a dúvida que fica é.. Onde encontrar tal? Por favor, me oriente á respeito. Grata.

Paulla disse...


Li e apreciei muito o texto...
Estou muito interessada em começar uma vida de submissa,mas sou muito leiga no assunto ainda.
Por isso quero saber onde encontro um dominador serio assim como o senhor para que me ajude a entender e ter a cereza de que é isso que eu quero.
Agradeço desde já.






















youtube downloader

Anônimo disse...

Bom dia Sr.

Me interesso muito pelo vosso mundo, embora eu ainda não tenha encontrado meu lugar. A relação que você descreveu tão perfeitamente, é tudo que eu sonhei pra mim. Espero que algum dia eu possa encontrar alguém que me compreenda tão bem quanto o Senhor.

Meus sinceros votos de sucesso.

Mitchelbloch disse...

Senhor Orion, adorei sua escrita e agradeço pela sua contribuição. Pelo seu entendimento da relação D/s tenho muita admiração por sua pessoa.

Smartbomb disse...

Boa tarde Senhor.
na maior parte das relações que tive as mulheres dizem que tenho perfil de dominador,pelo que sempre foi algo que me fascinou e quero aprender.Tive Alguns convites de mulheres para ser o dominador delas mas devido a falta de experiência preferi não avançar
mas gostava de aprender .Gostava pois se possivel que me desse alguns conselhos ou se existirem livros que possa ler.Sempre fui defensor de tratar bem as mulheres e desejo muito aprender mais .Desde já agradeço a atenção.
deixo o meu mail
fernando.tlm@sapo.pt

Dih disse...

Bastante interessante, bom artigo que a proposito ja consegui "escanear" um bom punhado de informações.

um abraço
http://preciosoclique.blogspot.com

Daniel Martinez disse...

Estou iniciando como Dom e procurando uma sub em Curitiba e queria aprender mais um pouco e sempre por isso gostaria de alguma publicaçao onde se possa aprender mais sobre as praticas mais comuns procedimentos contratos se é necessario coleiras e coisas assim

meu email: danmart2012@gmail.com

Anônimo disse...

De uns tempos venho apreciando o tema e apesar de alguns livros no mercado, nenhum explicou tão bem e de forma tão clara, as características de um dominador, como o que eu acabei de ler. Mas acho que este entendimento chega para todos os dominadores, uma pena!
Existe alguma comunidade virtual, algum site que possamos trocar ideias sobre isso? Eu sou totalmente 'virgem' neste aspecto,(mas nada virginal!) por isso acharia interessante encontrar alguém que age e pensa como vc.
Poderia me dar uma dica?
E-mail: menezescla@yahoo.com.br
Bjs

Anônimo disse...

Ah, esqueci complementar o texto acima: sou mulher, 42 anos, div e gostaria de entender, experimentar e encontrar pessoas que agissem e pensasse como o que vc descreveu.
Bjs

Anônimo disse...

Senhor, adorei seu texto e logo se vê que o senhor entende da relaçao s/d, porém há dificuldade suprema em achar um dominador. Eu, ao menos, tive que mostrar todo esse novo mundo ao meu namorado e lhe ensinar como me tratar e como me sinto satisfeita em ser submissa dele. Acho que o treinamento é uma via de mão dupla.
Beijos em suas mãos
Brunna

Anônimo disse...

Pleno 2013 e ainda tem mulher que cai nessa conversa. Malandrão você hein meu caro ...

Desiree disse...

Boa Noite Sr. Orion! Suas palavras descrevem com louvor o que toda mulher Sub ou nao espera de um homem. E curiosa como sou ja tive algumas experiencias mais nada dentro do contexto D/S realmente me interesso ou melhor sempre me interessei por esta forma totalmente diferente de amar, porque para amar é necessario um conjunto Obediencia, respeito, carinho e um Dominador certo e que acredite muito em si. Realmente quero conhecer mais sobre D/S com a certeza de que com paciencia chegarei a ser a Sub perfeita para nenhum Dominador botar defeito ainda sou inexperiente mais aprendo rapido. Boa noite Senhor.

Anônimo disse...

Apaixonante! Entre em contato comigo quando puder Sr., o mais rapido possivel, pois, nao sou sub, n sei se quero ou procuro um Dom, mas qero entender mais esse tipo de relacionamento, achei muito interessante, desculpa-me pela inconveniencia.
Grata!
Meu e-mail: anickcopola@live.com

conceicao disse...

Bom dia senhor ...
Sou submissa e gostei muito do seu blog,

conceicao disse...

Bom dia senhor ...
Sou submissa e gostei muito do seu blog,

beatriz victorino disse...

Adorei sua explicação senhor e bom saber e sentir que nós submissas somos valiosas para nossos mestre.infelismente e difícil encontrar um bom dominador.muitos homens confundem perversidade com dominação. Espero um dia encontrar um dominador como o senhor .que sabe valor ao diamante que tem.